21.12.06

Terra que gira

Faz agora uma ano que um grupo de jovens iniciou um blogue de divulgação científica:

terraquegira.blogspot.com

Jovens cientistas, diga-se. Chegados ao mundo da investigação, olham a realidade que os cerca e ficam inquietos. O mundo não é, afinal, o paraíso dos passarinhos felizes que a infância lhes sugeriu. Mas sabem, também, que a Ciência é a porta do conhecimento.
Sabem também que há ignorantes que o são sem culpa. E que há outros cuja ignorância se deve ao comodismo, à cegueira voluntária, porque "o saber dói sempre".
Aos meus amigos sugiro a leitura do blogue destes jovens. É uma porta aberta para o conhecimento fundamentado, tão necessário para melhorar este desgraçado mundo em que vivemos e onde tantos morrem todos os dias devido à nossa ignorância.
Aqui transcrevo o seu mais recente "post", com a devida vénia:

Que a Terra gira sobre si mesmo e à volta do Sol, já todos nós sabemos. Mas nem sempre foi assim. Muitos foram aqueles que se questionaram, que em determinados momentos duvidaram e com paixão investigaram. Muitas descobertas foram feitas desde que a ciência se tornou uma estrutura sólida. Pelo caminho, muitos se calaram ou foram calados, muitos morreram no processo… numa batalha sem igual … Pela primeira vez, que se saiba, a matéria ganhou consciência de si própria… consciência que lhe deu a capacidade de duvidar, de questionar e assim aprender… ”e no entanto ela move-se”, desabafou Galileu no final de uma batalha perdida. Mas agora, mais do que nunca, novos desafios se levantam. Cientistas continuam a fazer novas descobertas todos os dias. Cientistas que têm a coragem de se questionar e de explorar o mundo em que todos vivemos, de ir mais além atravessando as fronteiras do mundo conhecido e partindo à procura de novas terras por esse universo fora.O interesse por estas questões alargou-se, e através daqueles que albergam um espírito crítico e científico, as notícias das novas descobertas chegam a um público cada vez maior, curioso, que as segue com entusiasmo.Os tempos são outros! Começa a desflorar uma nova consciência ambiental sem precedentes. Hoje as pessoas têm a noção de que os recursos da Terra não são inesgotáveis e de que há um risco real de sermos nós a destruir o sistema que nos permitiu chegar até aqui. É preciso fazer passar a mensagem, de uma forma clara.

Uma Terra Que Gira nasceu com esse objectivo, o de divulgar, o de dar a conhecer a Terra, aquilo que nos rodeia e as pessoas que vão fazendo a diferença, para que não assistamos com a indiferença habitual à vitória da ignorância sobre o conhecimento.Aqui faz-se divulgação científica e dá-se a conhecer quem o faça. Pelo menos tenta-se.
Para preservar, é preciso primeiro explorar, investigar e aprender, mas cabe também a nós, cientistas de alma ou profissão fazer chegar esse conhecimento a toda a sociedade, para que todos possamos viver de uma forma sustentável e responsável nesta Terra que gira.

Terra que gira, Dezembro 2006

2 comentários:

Anónimo disse...

Saudações bloguistas,

agora sou eu, venho aqui retribuir as inúmeras visitas e conselhos que nos tem feito e dado. Tem sido um género de consultor, e dos bons, daqueles que está presente.
Agradeço-lhe isso, embora saiba que o faz por paixão, dedicação e um enorme orgulho.

Parabéns por este Lugar.

Abraço "vizinho"

J. Moedas Duarte disse...

É bom ter respostas. Não estamos sós. E "Terra que gira" é o veículo em que todos vamos embarcados. Obrigado e bom 2007!