17.6.06

NINHO





















A casa do mundo
é aqui: no sítio
onde os antigos usos permanecem
no sono pensativo das mulheres
na minúcia do amor
ardendo na claridade nua

Fernando Jorge Fabião

3 comentários:

Frederico Navarro disse...

Bonita foto! Na verdade é neste ninho que o mundo vai nascendo, é neste ninho que nascem as revoluções, é neste ninho que nasce o entendimento e desavenças, é neste ninho que nasce o pecado e a luxúria e tudo o resto que pudermos imaginar...

J. Moedas Duarte disse...

Podem escrever o que quiserem, amigos...

Frederico Navarro disse...

Este é talvez o maior mistério do mundo! Ninho da Humanidade, do amor, da luxúria, de prazeres recônditos, de guerras, ódios e invejas...enfim...