28.6.07

SEI


Os rios não decidem as suas pontes
Nem os moinhos decidem o vento
Os ramos não decidem os seus ninhos.
____________________________________________
Sei que o mar fecha as ondas sobre os búzios e que, estes postos nos ouvidos, as ondas voltam devagar. Sei que no interior do corpo se desdobram e que só olhos os podem libertar.
Daniel Faria ( 1971 - 1999 )

5 comentários:

avelaneiraflorida disse...

Toda a poesia...todo o sentir!!!

LINDO!

Méon disse...

Um território poético deslumbrante, de facto...

Maria Faia disse...

Lindo Méon.

Sei que as ondas varrem os mares,
que são livres, doces ou tormentas.
Também sei que choram e sorriem,
Qual vendaval em todos os lugares.

Para ti com um beijo da Maria Faia

Méon disse...

Sim , Maria Faia, tanta beleza...
E pensar que Daniel Faria morreu com 28 anos, de uma queda desastrosa,mas teve tempo para nos deixar uma herança poética imensa...
Foi um ser de LUZ.

pcsolotto disse...

I agree with you about these. Well someday Ill create a blog to compete you! lolz.